O setor de transportes aéreos foi um dos que mais sofreu no mundo todo com a crise causada pela pandemia da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Diante do receio das pessoas em viajar neste momento, comprar passagens aéreas e programar uma viagem ficou ainda mais barato.

Ir para a Walt Disney World é um bom exemplo dessa queda. Passagens para Orlando (Flórida, EUA) que chegam a custar até R$ 7 mil durante a alta temporada, atualmente podem ser compradas por valores bem menores.

De Belo Horizonte para Orlando, alguns voos tem o valor promocional de R$ 1.063,59 (Latam) nos próximos dias, enquanto o embarque em São Paulo (GRU) apresenta valores de até R$ 952,92 (Latam).

Voos nacionais também apresentam alterações consideráveis. Na próxima semana, passagens de ida e volta entre São Paulo e Rio de Janeiro saem por até R$ 244 (Latam) e tem previsão de até R$ 165 (Gol) para a semana seguinte. A média normal para o mês é de R$ 784.

De São Paulo a Fortaleza os valores ultrapassam 50% de queda, com passagens a R$ 442, enquanto a média para o mês é de R$ 1.048. Os preços caem ainda mais em trechos como Rio de Janeiro a Salvador, com baixa de mais de 75% considerando a média: R$ 310, enquanto o valor normal se aproximaria de R$ 1.319.

Apesar do momento de crise, milhões de profissionais se mobilizam para encontrar uma cura e uma forma de precaução à Covid-19, gerando o sentimento de que tudo isso vai passar. Essa, portanto, pode ser uma ótima oportunidade para programar uma viagem assim que as coisas voltarem ao normal, estimulando ainda a confiança nas empresas aéreas.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*